Sobre o Coração

Solo

ncnc_solo

Nos dias em que a solidão
lembra que existe,
dentro do peito, uma estrofe persiste.

Versos de um poema quase triste.
Rimas que, no vazio, ecoarão
a ausência que ainda insiste.

Anúncios
Padrão

Um comentário sobre “Solo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s