Sobre o Coração

Bálsamo

14-balsamo

Em seus braços enterro minhas dúvidas.
Entre seus lábios deixo que se percam fantasmas.
Em seu colo planto um tímido projeto de amanhã.

Você não acelera meu coração.
Você acalma minha alma.

E apesar de ter um coração que goste de bater aqui na garganta, na iminência de saltar pra fora do peito, foi em seus tão pequenos olhos que meu corpo castigado por tempestades encontrou a bonança.

Anúncios
Padrão

3 comentários sobre “Bálsamo

  1. Pingback: Papel e Tudo » Bálsamo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s